quarta-feira, 22 de junho de 2016

Como nascem os bebés

E chegou finalmente a conversa. Em modo light e sem grandes sobressaltos (a não ser no meu coração, com receio de dizer algo muito forte ou gráfico).
Na cama, ao adormecer, eu em modo mimos, ele aninhado, embrenhado naqueles vários pensamentos que tem e que lhe saem antes de adormecer:
- Ó mãe, como é que os médicos tiram os bebés das barrigas das mães? como é que eles saem?
- Hum... bom... é assim: pode ser de duas maneiras: ou saem pela barriga das mães: os médicos dão um corte pequenino na barriga e tiram de lá o bebé (e depois voltam a coser, é uma operação), ou saem pelo pipi...
- Humm... mas como é que saem pelo pipi?
- Os bebés quando nascem são mesmo muito pequeninos e então conseguem sair por aí. Quando já está na altura os médicos vão lá e puxam o bebé cá para fora.
- Mas e quando cortam a barriga... como é que não dói??
- Não dói porque os médicos antes dão uma pica, uma espécie de vacina, que faz com que não doa.
- E quando tiram os bebés pelo pipi... usam luvas? (e começa a escangalhar-se a rir!!!!)
- Sim... (estou curiosa com o que aí vem)
- Que é para não ficarem cheios de xixi nas mãos.... ahahahahahahaahah (não consegue parar de rir lol Pronto, tinha de vir a conversa do xixi.)
- Lol, não é por causa disso. É por causa de estar tudo limpinho para o bebé e para a mãe. Têm as mãos bem lavadas e usam luvas.
- Ah está bem...

E pronto, assim foi a primeira conversa mais explícita sobre como nascem os bebés, aos quase 6 anos de idade. A primeira tinha sido pelos 3 anos (estava eu grávida do P.) e na altura teve direito a uma explicação muito vaga sobre os médicos. "Ah tiram com ferramentas o bebé da barriga?". E eu "sim, é isso mesmo!", isto numa altura em que ele andava vidrado com uma caixa de ferramentas de brincar.

Estou ansiosa pelas próximas perguntas :) Imagino as conversas que vão pelo pátio da escola.