quarta-feira, 22 de maio de 2013

broken heart


Haverá coisa mais triste do que assistir ao desencontro propositado de duas
pessoas que partilharam uma vida (e filhos) durante 30 anos, evitando-se como
se nunca se tivessem conhecido?
Mas lá está, se calhar nunca se conheceram mesmo...
Que desperdício de tempo.